Carros Híbridos e Elétricos

Carro híbrido, híbrido plug-in e elétrico: conheça as diferenças

Mobilidade

A mobilidade elétrica oferece-lhe cada vez mais opções mas, sabe exatamente quais são e o que podem implicar? 03-07-2020

Planeiatrocar de carro mas, não sabe por que motorização e tecnologia escolher? Saiba mais sobre os carros elétricos, híbridos ou híbridos plug-in.

O setor automóvel tem evoluído a passos largos. Esta evolução tem trazido diversas novidades ao longo do tempo, com foco nas tecnologias e motorizações do carros que investem na melhor maneira de forma tornar a mobilidade mais ecológica.

Com esta evolução tecnológica surgiram os carros híbridos, híbridos plug-in e elétricos.Apesar destas tecnologias já terem conquistado o seu espaço no mercado, na hora de escolher um carro para comprar ainda surgem muitas dúvidas sobre quais as vantagens de cada uma delas e qual motorização escolher.

Neste artigo, explicamos de maneira descomplicada em que é que consiste cada uma destas tecnologias, quais as principais diferenças entre si, as vantagens e ainda a quem se adequam.

 

Leia Também:

 

Como funcionam os carros híbridos, híbridos plug-in e elétricos

Carros híbridos

Os híbridos “tradicionais” foram a primeira tecnologia eletrificada a ser apresentada de forma massificada ao mundo.

Estes automóveis híbridos, frequentemente identificados como HEV (do inglês Hybrid Electric Vehicle), são constituídos por dois motores, um a combustão e um elétrico.

O carregamento deste motor elétrico ocorre quando o carro se encontra em movimento, ou seja, necessita que o motor a combustão esteja em funcionamento.

A presença deste motor elétrico tem como objetivo apoiar o motor a combustão. Com este suporte é possível reduzir o consumo de combustível e, consequentemente, reduzir as emissões de gases poluentes, ao mesmo tempo que se consegue uma poupança económica.

Resumindo, o motor elétrico funciona como um auxiliar e o seu funcionamento depende do motor a combustão. Estes motores elétricos não podem ser carregados através da corrente elétrica.

 

Leia Também:

 

Carros híbridos plug-in

Tal como a tecnologia híbrida, os híbridos plug-in, conhecidos como PHEV (do inglês Plug-In Hybrid Electric Vehicle)também são constituídos por dois motores (um elétrico e um a combustão).

Apesar da estrutura mecânica a nível de motor ser, aparentemente, igual, há duas diferenças que distinguem estas tecnologias.

Ao contrário dos motores elétricos dos automóveis híbridos tradicionais, os motores elétricos dos plug-in são independentes dos motores a combustão. Esta é a primeira diferença. Ou seja, os híbridos plug-in conseguem funcionar num modo 100% elétrico.

A outra diferença é a possibilidade de carregar o motor elétrico. Para isso, só é preciso um carregador para fornecer energia ao motor e ganhar alguma autonomia.

Apesar de ser possível carregar o motor elétrico, a autonomia em modo 100% elétrico é reduzida, principalmente quando comparada com os carros 100% elétricos. Geralmente, os híbridos plug-in têm uma autonomia anunciada entre os 50 e os 70 quilómetros em modo exclusivamente elétrico, ou seja, sem recurso a combustível fósseis.

Esta tecnologia é adequada para quem faz percursos pequenos e, preferencialmente, citadinos. Assim, consegue reduzir ou mesmo anular o consumo de combustível e gases poluentes.

 

Leia Também:

 

Carros 100% elétricos

Como o próprio nome indica, os carros elétricos funcionam exclusivamente recorrendo a eletricidade.

Isto significa que, sendo a eletricidade a sua única fonte de energia, estes carros têm apenas um motor elétrico, ao contrário das tecnologias híbridas.

Os motores elétricos possuem um número de componentes móveis e de desgaste bastante inferior, quando comparado com um motor a combustão. Por este motivo, estes automóveis podem apresentar custos de manutenção mais baixos.

Relativamente à autonomia, já existem automóveis com autonomias anunciadas superiores a 600 quilómetros.

Já no que diz respeito ao tempo de carga, falamos de variações conforme o posto de carregamento onde se efetua o carregamento.

 

Leia Também:

 

Principais diferenças entre um carro híbrido, híbrido plug-in e elétrico

tecnologia e características
HibridoPlug-inElétrico 
Tipo de motorMotor a combustão +motor elétricoMotor a combustão +motor elétricoMotor elétrico
Motor elétrico
autónomo
NãoSimSim
AutonomiaDe 500 km até mais de 800 km De 500 km até
mais de 800 km
(combinado combustão + elétrico)
De 200 km até 610 km
Tempo de abastecimento/
carregamento
Rede ampla.
Abastecimento e ganho
de autonomia quase instantâneos
Rede ampla.
Abastecimento e ganho
de autonomia quase instantâneos
Rede em expansão.
Mais demorado a ganhar autonomia
Carregamento externo NãoSimSim

 

 

É de salientar que a autonomia varia com, essencialmente, três fatores. Nomeadamente, a capacidade da bateria ou depósito do carro; consumos do motor do carro e estilo de condução.

 

Leia Também:

 

As oito vantagens da compra de um carro ecológico

Antes de começar a enumerar as vantagens, é preciso esclarecer o que é um carro ecológico. Um carro ecológico é um automóvel desenvolvido para emitir menos gases poluentes.

Os carros híbridos, híbridos plug-in e elétricos são considerados carros ecológicos.O proprietário de um carro ecológico, seja ele singular ou coletivo, usufrui de algumas vantagens por ter um carro deste tipo, sobretudo vantagens económicas.

Em Portugal, atualmente, existem várias medidas que foram implementadas para promover a compra de automóveis com uma componente elétrica. Isto significa que podemos enumerar algumas medidas que resultam em vantagem para os proprietários destes veículos ecológicos:

  1. Incentivo monetário na compra de um automóvel 100% elétrico;
  2. Isenção do pagamento de Imposto sobre Veículos (ISV) para carros 100% elétricos;
  3. Redução de ISV para carros com uma componente elétrica;
  4. Dedução de IVA para empresas na compra do automóvel;
  5. Dedução do IVA nos custos com a eletricidade;
  6. Depreciações do veículo para empresas;
  7. Manutenção mais barata, sobretudo no caso dos carros 100% elétricos - ver o artigo de Carros elétricos versus movidos a combustão;
  8. Possibilidade de estacionamento gratuito nalguns pontos.

 

Leia Também:

 

Outras vantagens não diretas

Optar por um carro deste tipo, pode significar ainda escapar a algumas das medidas implementadas, cada vez mais, pelas grandes cidades para desencorajar a compra e o uso de automóveis a combustão - numa tentativa de controlar os rácios de poluição ambiental.

Algumas destas medidas passam pelo aumento do ISV; o aumento do Imposto Único Automóvel (IUC) baseado nas emissões de CO2; ou ainda o condicionamento do uso de veículos em função do seu grau de poluição. 

 

Leia Também:

 

A que tipo de utilizador se adequa cada tecnologia?

Os carros híbridos, híbridos plug-in e elétricos adequam-se a vários perfis de condutor. No entanto, há tecnologias que são mais adequadas para determinado perfil e circunstância.

Qualquer uma das tecnologias é indicada para quem procura reduzir os consumos com combustível. Neste campo, o carro 100% elétrico é o que reduz mais os custosporque funciona exclusivamente a eletricidade (que tem um custo inferior ao dos combustíveis fósseis).

O híbrido plug-in é interessante para quem percorre poucos quilómetros diariamente e que, eventualmente, pode conseguir fazer grande parte do trajeto, ou mesmo todo, recorrendo ao modo elétrico.

O híbrido plug-in também pode ser interessante para quem percorre muitos quilómetros e precisa ou quer reduzir o consumo de combustível, sobretudo na circulação urbana ou de condução mais calma.

Esta tecnologia é igualmente interessante para pessoas e empresas por permite usufruir de vantagens económicas associadas à compra e uso destes automóveis.

Finalmente, os elétricos são indicados para quem procura uma mobilidade mais verde e que consegue controlar, facilmente, o número de quilómetros que percorre diariamente.

Controlando esta distância e tendo em conta a autonomia do carro elétrico que escolher, facilmente consegue poupar nos custos de combustível e na manutenção do automóvel.

Tal como os híbridos plug-in, a aquisição de carros elétricos apresenta diversas vantagens económicas, além dos custos com combustível e manutenção. Nomeadamente, apoios do Estado e legislações mais favoráveis.

 

Leia Também: